UOL Música

Universo Sertanejo

15/05/2010

Lista de modões

Durante a última semana, chegaram alguns comentários perguntando se o CD de modões do Zezé di Camargo e Luciano é composto só de regravações.

De acordo com as informações passadas pela assessoria, apenas "Voando baixo", composição do Edson e do Felipe, é inédita.

Abaixo, a lista de quem gravou originalmente cada canção.

___

Cada Qual Tem Seu Valor - Juliano e Jardel
Solidão no Seu Lugar - Chrystian e Ralf 
Metade de Alguém - Chitãozinho e Xororó
Noite de Tortura - Chrystian e Ralf
Roupa de Lua de Mel - Gian e Giovani 
Aguenta Coração - Chitãozinho e Xororó
Do Outro Lado da Cidade - Guilherme e Santiago
Voando Baixo - Inédita
Telefone Mudo - Trio Parada Dura
Ainda Ontem Chorei de Saudade - João Mineiro e Marciano
Copo Duplo de Solidão – Adair Cardoso
Não Quero Piedade - Trio Parada Dura
Distante Dela - Trio Parada Dura

___

Por André Piunti às 11h22


Mais um "voz e violão"

Publiquei o vídeo de uma entrevista com o Edson, anteontem, no programa do Odair Terra.

No dia seguinte, antes de participar do programa "Manhã Maior", da RedeTV!, ele gravou um vídeo cantando a nova música de trabalho, "Como eu queria te amar", e publicou no Twitter (@edsonevoce).

Detalhe que o vídeo foi gravado às 7:30 da manhã.

Por André Piunti às 09h59

14/05/2010

Sertanejo na Virada Cultural

Acontece em São Paulo, nesse sábado (15) e domingo (16), a "Virada Cultural 2010.

Serão centenas de atrações distribuídas pela cidade, em uma maratona de 24 horas.

A música sertaneja, que não apareceu na programação oficial logo que foi divulgada, terá dois representantes de peso.

No sábado, às 18h, Inezita Barroso se apresenta no CEU Cantos do Amanhecer, no Jardim Mitsutami.

No domingo, às 18h, cantor Tinoco se apresenta no CEU Feitiço da Vila, no Capão Redondo.

Todas as apresentações da "Virada" são gratuitas. 

Então, quem estiver por perto, vale a pena dar uma conferida.

Por André Piunti às 13h07


Cantando lá no alto

Na década de 1990, duplas que cantavam em tons altos com vozes agudas ganharam muito destaque.

É uma questão de gosto. Tem gente que adora música sertaneja e não suporta quem canta assim. Creio que a maior parte gosta, não? 

Essas características (tom lá no alto e voz aguda), aliás, foram motivo de piadas durante muito tempo, principalmente por essas duplas terem conseguido tamanho destaque.

O principal nome dessa turma é, sem dúvida, o Xororó.

Perguntado de onde veio a influência para cantar nesse estilo, ele disse que ouvia e cantava Jacó e Jacozinho, e assim foi moldando seu próprio estilo, já que sua voz é, mesmo, bem aguda.

Zezé di Camargo foi outro que seguiu essa linha. Quantas pessoas conseguem cantar o refrão de "É o amor" no tom original?

Antes que perguntem, ele já deu entrevistas explicando que o problema que teve na voz não se deu pelo fato de cantar alto demais, mas sim um problema genético que se desenvolveu, somado ao fato de ter cantado a vida toda sem técnica.

Quem também fez sucesso com esse perfil foi o Edson, ao lado do Hudson. Ele nunca fez questão de ser moderado nas interpretações, e no último disco ao lado do irmão, "Despedida", ele deu mostras bem claras disso.

Mais recentemente, Eduardo Costa utilizou bastante do artifício do exagero nos tons mais altos. Hoje, é mais moderado nos discos, mas continua usando e abusando da voz nas apresentações ao vivo.

Uma declaração curiosa sobre o assunto é do Giovani, irmão do Gian, que tentava cantar como o Xororó, como inúmeros outros cantores tentavam.

Assim que entraram em estúdio, receberam uma dica um tanto "dura", de que deveriam parar de tentar cantar daquele jeito, pois estava muito ruim.

Giovani, então, começou a cantar do jeito que a gente conhece e acabou se destacando assim.

Entre as duplas que surgiram nos últimos anos e fazem sucesso, esse estilo de interpretação não é das mais comuns.

Talvez por opção, por comercialmente não funcionar mais, ou pelo fato de não haver cantores em condições de cantar como esses nomes citados anteriormente (creio que a maioria aqui vai concordar com segunda hipótese)

Como exceção, vale mencionar o Léo Magalhães, que tem a voz extremamente aguda e adora cantar lá em cima, e que tem começado a entrar na programação das grandes festas (está de disco novo, nesse estilão).

Selecionei alguns trechos de músicas cantadas em tons altos, que um cidadão comum teria de se contorcer para alcançar, e juntei num arquivo só.

Nesse tocador abaixo, você pode ouvir os seguintes cantores, em ordem: Chitãozinho e Xororó, Zezé di Camargo e Luciano, Edson com Gusttavo Lima, Eduardo Costa com Zezé e Luciano, e Léo Magalhães.

Não são músicas inteiras, são apenas trechos "difíceis" de cantar.

Por André Piunti às 00h51

13/05/2010

Luan Santana em alto mar

Foi confirmado, para o final do ano (14 a 17 de dezembro), o primeiro cruzeiro do cantor Luan Santana.

Os preços, em dólar, vão de U$ 599 até U$ 969 (sem taxas inclusas), e o roteiro é Santos - Búzios - Ilhabela - Santos.

No último mês, como já comentado aqui, foram confirmados outros cinco cruzeiros de artistas sertanejos, para o período de novembro de 2010 a março de 2011: Daniel, Jorge e Mateus, Zezé di Camargo e Luciano, Fernando e Sorocaba e Maria Cecília e Rodolfo.

A realização do cruzeiro do Luan é da Olympia Cruzeiros.

O site oficial do evento entrou no ar na tarde de hoje.

Por André Piunti às 14h30


Programa Universo Sertanejo #18

Olá, pessoal.

Está no ar a décima oitava edição do programa Universo Sertanejo, na Rádio UOL.

Essa edição foi inteira dedicada ao pagode, ou pagode de viola, que teve o Tião Carreiro como um dos criadores, além de ter sido ele o principal divulgador do estilo.

Na seleção musical, duplas de gerações diferentes, assim como no programa passado, mostrando que o pagode é um dos estilos mais admirados da música sertaneja.

Para ouvir, basta clicar na imagem abaixo.

Por André Piunti às 13h24


Edson na voz e no violão

Assisti, ontem, a entrevista que o cantor Edson deu ao apresentador Odair Terra, no começo desse ano.

A conversa girou em torno da nova carreira, mas o legal mesmo do vídeo foi ver o Edson cantando e tocando violão, sem acompanhamento de outros músicos, sozinho mesmo, mostrando que sua voz está em um patamar mais elevado do que grande parte dos artistas sertanejos.

Por André Piunti às 02h00


"80 anos da música caipira no Brasil"

No próximo domingo, dia 16, na "Estância Alto da Serra", em São Bernardo do Campo, acontece o show de lançamento do CD "80 anos da música caipira no Brasil".

O álbum foi idealizado por Téo Azevedo, produtor e pesquisador da música caipira, que reuniu canções de todos os estilos que ajudaram a formar a identidade dessa música que hoje chamamos de sertaneja, como a moda de viola, o pagode, o cateretê e vários outros.

Entre os convidados, estarão nomes como Sérgio Reis, Mococa e Paraíso, Lourenço e Lourival e Jacskon Antunes, de um total de quase quarenta artistas (a lista completa pode ser conferida aqui).

Como já explicado aqui no blog, em 1929 foi gravado o primeiro disco de música caipira, bancado pelo jornalista Cornélio Pires.

Logicamente, a música caipira é bem anterior a essa data, mas muitos a utilizam como marco inicial, como utilizou Téo Azevedo para elaborar esse seu novo projeto.

O evento tem início ao meio dia, e a entrada custa R$ 10,00.

Por André Piunti às 01h41

12/05/2010

Luciano se incomoda com notícia sobre Twitter e desmente continuação de filme

Logo que cheguei para entrevistar o Luciano, antes da festa de lançamento do novo CD da dupla, em São Paulo, perguntei sobre alguns comentários incomodados que ele havia postado no Twitter ao longo do dia.

Ele chegou a discutir com alguns internautas por causa da seguinte notícia publicada ontem, na Folha: "Luciano diz que tem Twitter falso para “xingar” políticos".

O cantor não gostou da abordagem da nota, e disse o seguinte:

"Perfil falso pra xingar político? Eu não faço twitter falso pra xingar os outros, sempre falei o que penso na mídia, já comprei briga publicamente.

O que eu tinha era um perfil meu, sem ser o oficial, que eu usava pra interagir com as pessoas, pra escrever pras pessoas, entre elas, políticos.

Eu não divulgava esse perfil justamente pra não influenciar meus fãs, pra poder falar como um cidadão comum. Hoje eu uso a conta oficial da dupla (@zcloficial), faço os meus vídeos, minhas fotos e divido com os fãs que me seguem"

Luciano ainda desmentiu a notícia da suposta continuação do filme "2 filhos de Francisco":

"Não tem nada a ver, não sei de onde tiraram isso".

Até a semana que vem, eu publico uma entrevista exclusiva com ele por aqui.

Para ver a cobertura do lançamento do novo CD, que aconteceu ontem, clique aqui.

Por André Piunti às 12h56

11/05/2010

João Carreiro e Capataz ajudam mães de Goiânia

Sabe as duas mães que tiveram os bebês trocados, em Goiânia, e destrocaram na semana passada?

Elas estiveram, hoje, no programa da Ana Maria Braga, e receberam um presente.

A dupla João Carreiro e Capataz doou uma casa a cada família, uma perto da outra, em quarteirões vizinhos.

Eles não estiveram no programa, foram representados por seus seus empresários.

A apresentadora comentou que não conhecia pessoalmente a dupla, mas eles chegaram a participar do "Mais Você", rapidamente, no ano passado, quando fizeram a doação de uma marcenaria completa (esse primeiro vídeo pode ser visto aqui).

Para assistir o que foi ao ar hoje, basta clicar na imagem abaixo.

Por André Piunti às 12h25


O drama cantado de Barrerito

Em 1982, o Trio Parada Dura sofreu um acidente de avião que deixou Barrerito, vocalista, paraplégico.

Pouco mais de seis anos após o acidente, o Trio se separou e Barrerito iniciou sua carreira solo.

O sucesso dessa nova carreira se baseou na tristeza ao extremo de suas novas canções.

Foram nove CD's, com vários sucessos, mas essa fase ficou mesmo marcada pelas letras que narravam seus dramas como cadeirante.

O estilo de cantar e a voz dele sempre foram tristes. Essas características somadas as novas letras tornaram tudo muito mais dramático.

As músicas "O cantor das andorinhas" e "Onde estão os meus passos" foram as mais conhecidas.

Existem outras duas músicas obrigatórias, além das já citadas, que resumem toda essa fase: "Cadeira amiga" e "Maldito avião".

São letras pesadas, o intuito era realmente tocar diretamente as pessoas e chamar a atenção para aquela situação.

Existem frases como "Cadeira amiga, pedaço do meu corpo", "Cadeira de rodas que sempre acomoda esse corpo-metade", "Cadeira, você é a vida que ficou perdida na imensidão", "Avião, maldito avião que levou metade de mim".

É um bom exemplo de que a música sertaneja não precisa ficar sempre em cima de um mesmo assunto batido, mesmo que o exemplo se dê em cima de um drama pessoal.

Abaixo, as canções "Cadeira amiga" e "Maldito avião".

___

Por André Piunti às 01h54

10/05/2010

E banda sertaneja, dá certo?

O grupo "Tradição", apesar de ter mudado de formação várias vezes, mostrou que o formato de "banda sertaneja"pode dar certo, sim.

No caso dessa postagem de hoje, a banda segue um estilo totalmente diferente do "Tradição", e terá que descobrir uma forma de conseguir espaço nesse meio bastante aberto a novidades, mas muito pouco receptivo com quem demonstra somente oportunismo.

Nesse sábado, no camarote Villa Country Store, no rodeio de Jaguariúna, houve uma apresentação da banda "VakaLoka", cinco rapazes que fazem ao extremo o estilo universitário.

No repertório, Luan Santana, Fernando e Sorocaba, João Bosco e Vinícius, além de conhecidas músicas sertanejas em versões mais roqueiras, como "Cuitelinho" e "Chico mineiro".

Em pouco tempo, o nome da banda deve começar a circular no meio.

Há investimento alto por trás, já estão com produção fechada com o Ivan Miyazato (Luan Santana, Fernando e Sorocaba, Maria Cecília e Rodolfo), além de começarem a surgir no circuito das dulpas sertanejas em São Paulo (rodeios, apresentações no Villa Country, abertura de grandes shows, etc).

Os integrantes são de formações musicais distintas, e estão nesse projeto acreditando no novo sertanejo que parece não parar de crescer.

A primeira música "Tá tudo mara", composição própria, vai naquela linha de utilizar bordões conhecidos no refrão.

Bandas desse tipo são comuns em bares e casas noturnas e funcionam muito bem animando a noite.

Mas saindo dos bares e tentando entrar no mercado, será que há espaço para elas?

Abaixo, a canção de trabalho, "Tá tudo mara".

Por André Piunti às 03h13


Às duplas novas

Uma boa notícia às duplas novas que estão buscando seu espaço e que estão sempre visitando aqui o blog.

Os irmãos João Neto e Frederico gravam, no dia 8 de junho, seu novo DVD, apenas com modões, em Goiânia.

Além das participações de Eduardo Costa, Fernando e Sorocaba e João Carreiro e Capataz, uma dupla nova participará do DVD.

Essa dupla será escolhida via indicação na internet.

Se você tem uma dupla, basta clicar aqui e se auto-indicar.

João Neto e Frederico escolherão uma dupla entre as mais votadas.

É uma chance muito bacana de entrar no meio e tornar seu trabalho mais conhecido.

Por André Piunti às 03h12

09/05/2010

Ah, Domingo - Especial

Elas são motivo de tantas e tantas belas e emocionantes músicas sertanejas.

Nesse domingo de dia das mães, nada melhor do que deixar aqui nossa homenagem a todas elas.

Muitas canções poderiam ser postadas aqui. Escolhi essa pela letra ser muito bonita e pela interpretação também chamar a atenção.

Abaixo, Rick e Renner cantando "Mãe".

=)

Por André Piunti às 07h44

Sobre o autor

André Piunti, 25 anos, é formado em jornalismo pela Facamp (Faculdades de Campinas). Natural de Campinas-São Paulo, criou o blog Universo Sertanejo no ano de 2007. Apresenta, desde janeiro de 2010, o programa Universo Sertanejo, líder de audiência na Rádio UOL. Além do blog e do programa, é responsável pelas coberturas especiais sobre música sertaneja no UOL. Apresenta, aos domingos, o Cowboy Nativa, para toda a rede Nativa FM. É autor do livro "Música sertaneja - Uma paixão brasileira".

Sobre o blog

O Universo Sertanejo teve início em 2007, como trabalho e conclusão de curso. A ideia de um portal, como previa o projeto, passou por mudanças e deu espaço a um blog, que se tornou referência em um pequeno espaço de tempo. Maior canal de notícias sobre música sertaneja, o Universo Sertanejo mantém suas atualizações diárias desde março de 2008. Veículo reconhecido no meio, juntou-se ao UOL em janeiro de 2010. contato@universosertanejo. com.br

Site Meter